Mocidade Alegre: samba concorrente – Luis Antonio e parceiros

No Carnaval 2018, a escola de samba Mocidade Alegre fará seu desfile pelo Grupo Especial com o enredo “A voz Marrom que não deixa o samba morrer”, que será desenvolvido por uma comissão de carnaval formada por Leandro Vieira, Paulo Brasil, Carlinhos Lopes e Neide Lopes. A equipe do Amantes do Carnaval de São Paulo recebeu os sambas-enredos de alguns compositores que vão concorrer na eliminatória deste ano na agremiação. Ouça o samba de Luis Antonio, Tatu, Rufino, Marrom, Cris do Cavaco, Sandro, Welber Silva, Alexandre Pinheiro e participação de Marco Antonio.

 

Foi de mãe Ciata o clamor
O vento sagrado soprou
Te fez escolhida oh! Nobre Flor
A voz abençoada ecoou
Não deixou o samba morrer
No morro e no asfalto
Defendeu nossa bandeira
A resistência da cultura brasileira

Mulher guerreira de coragem e fé
Foi encantada em São Luiz do Maranhão
Tambor de mina carregado de axé
Bumba meu Boi, Viva São João

Ah? Esse amor,
Que sufoco essa louca paixão
É um gostoso veneno
É de tirar o chapéu
Cantar essa doce ilusão
O sonho em Verde e Rosa se tornou realidade
Um grande amor…
Mangueira quem é não esquece
Obrigado Marrom!!! O samba te agradece

Bate o tambor é de Primeira
Vem pra Morada vem sambar
Esse batuque tem um toque de emoção
Eternizado pela voz Marrom

Divulgue seu samba no Amantes do Carnaval de SP

Para publicar seu hino, basta encaminhar para nossa equipe o áudio do samba no formato MP3/MP4 e também a letra para o e-mail: [email protected] ou por WhatsApp (11) 98035-5822 e (11) 94718-8093. Aproveite esta oportunidade e mostre seu trabalho para mais de 30 mil apaixonados pelo Carnaval de São Paulo.

Comentários Facebook